Gerais
0

APMGF aproxima-se da realidade brasileira e promove WONCA Europa 2014

12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade


A Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) marcou presença no 12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade (realizado em Belém do Pará, entre os dias 29 de Maio e 2 de Junho pela Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade – SBMFC), com uma delegação alargada e várias notas de destaque.

O presidente (Dr. João Sequeira Carlos) e vice-presidente (Dr. Rui Nogueira) da APMGF lideraram a comitiva, que integrou ainda a representante do Departamento de Internos e Jovens MF da Associação e coordenadora nacional do Movimento Vasco da Gama (MvdG), Dr.ª Ana Margarida Cruz, bem como a Dr.ª Catarina Matias, coordenadora nacional do Programa Hippokrates (grupo de trabalho de intercâmbios do MvdG). O ex-presidente da APMGF e atual presidente do International Advisory Board da WONCA Europa 2014, Dr. Luís Pisco, deslocou-se igualmente a Belém do Pará, ele que foi ao longo dos últimos anos um elo crucial na aproximação entre a APMGF, a SBMFC e a comunidade dos médicos de família brasileiros em geral.

Outros médicos portugueses figuraram na lista de convidados internacionais do evento, em particular o Dr. José Luís Biscaia (USF São Julião da Figueira) e o Prof. Jaime Correia de Sousa (Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho).


     



A deslocação serviu, antes de mais, como uma excelente oportunidade para promover a organização em Lisboa da Conferência da WONCA Europa em 2014 (um dos grandes desígnios da APMGF), bem como para estreitar os laços com a sociedade brasileira de Medicina de Família e Comunidade. Assim, merece ênfase o enorme interesse gerado entre os colegas brasileiros pelo evento a organizar no próximo ano, na capital portuguesa. A adesão foi enorme e a APMGF levou a cabo, inclusive, um sorteio muito concorrido para duas inscrições gratuitas na conferência WONCA Europa 2014. As vencedoras deste sorteio – e consequentemente de duas inscrições na WONCA Europa 2014 – foram a Dr.ª Daniela Silva de Brito Lemos e a Dr.ª Ana Paula Menezes Torga.

Portugueses contribuíram para debate esclarecedor

Foram várias as participações de MF portugueses nas sessões do programa do 12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e nas iniciativas pré-congresso. Logo a abrir, no II Fórum Nacional de Residências em Medicina de Família e Comunidade, a representação portuguesa esteve a cargo da Dr.ª Ana Margarida Cruz e da Dr.ª Catarina Matias.

As duas médicas de família portuguesas foram depois, no âmbito do 12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade propriamente dito, integradas como palestrantes no Círculo de Discussão intitulado “Movimento Brasileiro de Jovens MFC”, em conjunto com o Prof. Richard Roberts, presidente da WONCA Mundial e com moderação da residente brasileira Dr.ª Michele Souza Pinheiro. Uma participação que nasce de um convite prévio feito pelo Dr. Nulvio Lermen Junior, presidente da SBMFC. Na realidade, aquando do último Encontro Nacional da APMGF, organizado em Aveiro, o dirigente brasileiro esteve presente numa sessão sobre o MVdG e considerou fundamental transmitir os princípios fundamentais daquele movimento e do Programa Hippokrates aos residentes brasileiros, enquanto forma de inspiração. Agora, em Belém do Pará, ficou assente um objetivo de curto prazo: preparar afincadamente um movimento brasileiro de residentes e jovens médicos de família.

O presidente da APMGF, Dr. João Sequeira Carlos, foi um dos palestrantes da mesa redonda “O papel do MFC na atenção domiciliar”, abordando a experiência portuguesa nesta área. Já o Dr. Rui Nogueira participou no V Encontro Nacional de Ligas Académicas de Saúde da Família e Medicina de Família e Comunidade, falando sobretudo sobre matérias relacionadas com o intercâmbio.

O Dr. Luís Pisco foi um dos oradores da mesa redonda “Gestão da agenda, como prover acesso com qualidade?”, enquanto o Dr. José Luís Biscaia partilhou com os colegas brasileiros a experiência portuguesa na mesa “Coordenação do cuidado, efetividade clínica e o registo eletrónico do paciente”. Realce, ainda, para o contributo do Prof. Jaime Correia de Sousa na mesa redonda “Doenças respiratórias crónicas na Atenção Primária”, através de uma exposição sobre a abordagem da asma de difícil gestão, no contexto das unidades de cuidados de saúde primários.

Leia Também

Declaração de Boas-Vindas

Formato inovador de atualização passou por Lisboa e por Coimbra

636 trabalhos submetidos ao 19º Congresso Nacional

Recentes

Menu