Gerais
0

Candidaturas para corpo editorial da RPMGF

Até ao próximo dia 19 de março e através de formulário eletrónico:

A Revista Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (RPMGF) é um órgão oficial da Associação Portuguesa de Medicina Geral Familiar e é publicada desde 1984. A sua missão é contribuir para o desenvolvimento da especialidade de Medicina Geral e Familiar e para a melhoria dos cuidados de saúde primários através da publicação de artigos científicos nas mais diversas áreas.

A revista encontra-se de momento em transição da sua equipa editorial e nesse sentido a APMGF vem dirigir convite a todos os seus sócios para se candidatarem a integrar o novo corpo de editores.

Incentivam-se candidaturas de colegas em diferentes fases da carreira profissional e/ou académica, nomeadamente especialistas de MGF juniores ou seniores, bem como internos de MGF com ambição em carreira académica ou em atividades cientificas.

A nova equipa editorial será coordenada por:

– Dr. Rui Nogueira (Presidente da APMGF, Director da RPMGF)

– Dr. Arquimínio Eliseu (Vice-presidente da APMGF, Director-adjunto da RPMGF)

– Dr. Tiago Maricoto (Membro da direção da APMGF, Editor-chefe da RPMGF)

Os candidatos deverão preencher o seguinte formulário e após a primeira análise da equipa coordenadora da RPMGF, poderão ser requisitadas mais informações, nomeadamente de natureza curricular. Os candidatos selecionados para integrar o corpo editorial poderão brevemente ser convidados a integrar um processo formativo, que será facultado pela APMGF em colaboração com colegas seniores e com experiência na actividade editorial. É condição obrigatória ser sócio da APMGF.

Definem-se assim as principais tarefas de um editor da RPMGF:

• Verificar a submissão dos artigos, em conformidade com as normas de publicação estabelecidas e escolher artigos para a sua responsabilidade de gestão em conformidade com as suas secções temáticas ou preferências pessoais.

• Acompanhar e gerir o circuito dos artigos à sua responsabilidade durante o processo editorial e de revisão por pares.

• Selecionar os revisores para cada artigo e gerir a sua avaliação final.

• Tomar decisões editoriais quando necessário, relativas a aceitação ou recusa de artigo e decidir a necessidade de uma terceira revisão.

• Solicitar avaliações de revisores adicionais pertencentes ao conselho científico e em áreas temáticas ou técnicas diferenciadas, bem como avaliações estatísticas, quando entendem necessário.

Aceitam-se candidaturas até ao final do próximo dia 19 de março.

Leia Também

Iniciativa «Valve For Life» será apresentada no 34º EN

Distinção entre ciência e pseudociência marca arranque dos trabalhos

GRESP vai lançar três prémios de investigação

Recentes

Menu