Gerais
0

Coimbra vai ter escultura de homenagem ao médico de família

Unidade Curricular de MGF da FMUC comemora 25 anos

_x000D_

_x000D_
A Unidade Curricular de Medicina Geral e Familiar (MGF) da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) está a promover as comemorações dos 25 anos do ensino de MGF com diversas iniciativas dirigidas não só aos alunos de Medicina, médicos e outros profissionais da saúde, mas também à comunidade em geral. As iniciativas vão realizar-se nos próximos meses de março, abril e maio, em vários locais da cidade de Coimbra.

_x000D_

_x000D_
No próximo dia 17 de março, pelas 21h00, terá lugar o concerto inaugural de homenagem ao médico de família, com a participação do Coro Misto da Sociedade Filarmónica Lousanense, dirigido pelo maestro Avelino Correia, o “Ensemble de Cordas”, com a coordenação de Luís Silva (viola de arco), e o "St. Dominic´s Choir Gospel", dirigido pelo maestro João Castro. O espetáculo terá lugar no Convento de São Francisco.

_x000D_

_x000D_
No dia 18 de abril, no Polo III da Universidade de Coimbra, decorrerá o IX Encontro Nacional de Escolas Médicas, pelas 10h00, seguindo-se, às 17h30, uma cerimónia de homenagem ao corpo docente em MGF da FMUC/25 anos, que contará com a presença do ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes. Às 21h15, terá lugar o encontro “O cerne da questão – governação em saúde, ciências humanas e sociais”.

_x000D_

_x000D_
A última iniciativa diz respeito à inauguração de uma escultura de homenagem ao médico de família, intitulada “P'la Esperança”, do médico e escultor Dimas Simas Lopes, que ficará localizada num dos principais espaços públicos da cidade. A iniciativa terá lugar a 19 de maio, Dia Mundial do Médico de Família.

_x000D_

_x000D_
Hernâni Caniço, membro fundador e coordenador da Unidade Curricular de MGF da FMUC, durante a conferência de apresentação do programa comemorativo, que decorreu no Centro de Saúde Norton de Matos, salientou a enorme evolução do ensino da MGF ao longo dos últimos 25 anos, afirmando que o objetivo passa sempre por apostar cada vez mais num melhor ensino e prestação de cuidados de saúde à população, bem como na adaptação aos novos paradigmas da sociedade.

_x000D_

_x000D_
Na apresentação do programa, estiveram presentes os representantes das várias entidades que apoiam estas iniciativas: José Manuel Silva, regente da unidade curricular de MGF da FMUC e bastonário da Ordem dos Médicos; Carlos Cortes, presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM); Paulo Moura, subdiretor da FMUC; Rui Nogueira, presidente da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) e ainda Conceição Milheiro, da comissão organizadora do evento. A Câmara Municipal de Coimbra é outro dos parceiros envolvidos nas comemorações.

_x000D_

_x000D_
Na conferência de apresentação do programa dos 25 anos da Unidade Curricular de MGF da FMUC, José Manuel Silva destacou o facto do médico de família ser o único especialista que vive "em comunidade e comunhão com as pessoas", acompanhando-as ao longo de todo o seu ciclo de vida. O ensino da MGF nas faculdades é extremamente importante para que "esta forma de ser e de estar" seja transmitida aos alunos, frisou.

_x000D_

_x000D_
Por seu turno, Rui Nogueira sublinhou a atenção especial que a APMGF tem dedicado, desde a sua fundação, à formação médica pré-graduada, pós-graduada e contínua dos médicos de família, de que são exemplo as “Conferências de Formação”, espaços de debate da estratégia de desenvolvimento da formação médica. O responsável da APMGF avançou ainda que a Associação está a desenvolver um projeto no âmbito de atribuição de prémios e bolsas "que pode ser útil para o apoio a trabalhos de colegas doutorandos, o desenvolvimento da investigação médica e da especialidade".

_x000D_

_x000D_

Leia Também

A importância dos internos se envolverem em projetos de investigação

Em 2017 haverá concurso nacional de mobilidade para todos os MF

APMGF e embaixador português em Praga recebem altos dirigentes da MGF internacional

Recentes

Menu