Gerais

Curso “Hepatites Víricas (B e C) e Infeção VIH/SIDA” aproxima especialidades

34º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar:

Logo na manhã do dia 16 de março, a Gilead irá promover no âmbito do 34º Encontro Nacional de MGF a segunda edição do seu Curso Hepatites Víricas (B e C) e Infeção VIH/SIDA, no qual serão abordados temas como o rastreio e a ligação entre níveis de cuidados de saúde (sinergias entre especialidades). O curso terá a duração total de três horas (com um intervalo de 30 minutos de permeio) e será sobretudo prático. Haverá também espaço e tempo para a discussão interativa de casos clínicos associados à infeção VIH/SIDA e às hepatites víricas B e C. De recordar que no ano passado este curso conheceu uma enorme aceitação por parte dos participantes no Encontro Nacional, facto justificado pela preponderância desta problemática no quotidiano dos médicos de família e pelo impacto que estas infeções exercem nos utentes das suas listas.

Durante o curso será feita uma discussão de casos clínicos associados à Infeção VIH, conduzida por Teresa Branco (especialista em Medicina Interna no Hospital Professor Dr. Fernando da Fonseca e membro do Conselho Científico do Programa Nacional para a Infeção VIH/SIDA). Depois, Fátima Serejo (gastrenterologista e hepatologista do Hospital de Santa Maria) coordenará a discussão de casos clínicos relacionados com hepatites víricas B e C. Destaque ainda para a parte do curso que incidirá sobre o rastreio e a ligação entre níveis de cuidados de saúde (sinergias entre especialidades), onde pontuarão as intervenções de Cristina Valente (infeciologista do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra) e de Nelson Rodrigues (médico de família e vice-presidente da APMGF). Caso deseje participar neste interessante curso não perca tempo e inscreva-se, uma vez que o número de vagas é limitado.

Leia Também

Dia Mundial do MF em 2024 será festejado (e ilustrado) com as melhores fotografias e vídeos enviados pelos colegas

Comunicado APMGF

Comunicado – APMGF repudia reportagem da TVI que sugere falta de conhecimento dos médicos de família na área da Saúde Mental

Filomena Correia – “As artes plásticas parecem ter um valor reconhecido na Saúde”

Recentes