Gerais
0

FNAM considera a iniciativa genérica, pobre e inútil

Projeto de diploma que regula o “Ato em Saúde”

Em carta enviada ao secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, no dia 12 de setembro, a Federação Nacional dos Médicos (FNAM) esclarece que “o projeto de diploma que regula o «Ato em Saúde»”, não define “efetivamente as competências de cada um dos grupos profissionais que intervêm na saúde, limitando-se a afirmar por exemplo, que o ato médico é da competência dos médicos e o ato de enfermeiro é da competência dos enfermeiros e também não esclarece como deve ser feita a articulação e estabelecidas saudáveis sinergias entre as atividades dos diversos profissionais de saúde”. Assim, aquela organização classifica o diploma como “globalmente muito genérico”, para além de “muito pobre” e sem capacidade de responder “aos objetivos que se propõe no seu preâmbulo e do ponto de vista prático inútil”.

Na carta, assinada pela presidente da comissão executiva da FNAM, Merlinde Madureira, é dito que os atos definidos no projeto “para cada sector profissional só iriam propiciar situações de permanente conflito com a possibilidade de uns pretenderem usurpar as competências técnico-científicas de outros”. A FNAM não vê, portanto, “qualquer interesse na sua publicação”.

Embora o sindicato reconheça que a matéria é primordialmente da competência específica da Ordem dos Médicos, “no que se refere ao Ato Médico a FNAM considera indispensável a contribuição sindical para a discussão deste assunto” e solicita a marcação urgente de uma reunião com a tutela para abordar este assunto.

De recordar que a FNAM já enviara um missiva a Adalberto Campos Fernandes, no passado dia 7, garantindo que o projeto representava “a tentativa de consumar, finalmente, a usurpação escandalosa de grande parte das competências técnico-científicas dos médicos”.

Leia Também

Médico de família António Cruz Ferreira finaliza doutoramento com trabalho sobre lesões no rugby de sete

“A investigação não pode ser considerada supérflua”

Trabalho realizado na USF Espinho em destaque

Recentes

Menu