Gerais
0

Paulo Macedo garante que “vacinação não é uma questão de modas”

Dia do SNS – 50 anos do Programa Nacional de Vacinação

Na cerimónia oficial de comemoração do Dia do Serviço Nacional de Saúde, este ano dedicada aos 50 anos do Programa Nacional de Vacinação (PNV) e realizada no auditório do Hospital Dona Estefânia (Lisboa), o ministro da Saúde Paulo Macedo defendeu que a aposta da tutela na vacinação não é de hoje e não depende de tendências ou correntes de opinião transitórias: “a vacinação não é uma questão de modas. Insistimos que a vacinação deve ser universal, deve ser promovida e feita de acordo com as melhores indicações cientificas. E estas indicações são no sentido de que todas as crianças sejam vacinadas. É para isso que o PNV existe e que o vamos alargando, de acordo com as nossas análises e a cada momento, com o melhor custo-benefício para as populações. Não vamos em modas, promovemos a equidade com aspetos concretos e encaramos o PNV como um valor em si mesmo”.

Sobre a recente introdução no PNV da vacina contra infeções por pneumococo, o governante declarou que se “trata de mais um investimento na proteção da saúde, que ronda os 9 milhões de euros por ano, esperando-se um futuro positivo, com menor carga de doença, menor recurso a cuidados de saúde e, sobretudo, uma população mais saudável”.

Durante a cerimónia oficial comemorativa participaram como oradores José Pereira Miguel (Faculdade de Medicina de Lisboa), Graça Freitas (subdiretora-geral da Saúde),

José Gonçalo Marques (Centro Hospitalar Lisboa Norte), o pneumologista Filipe Froes (Centro Hospitalar Lisboa Norte) e Ana Leça (vice-presidente da Comissão Técnica de Vacinação). Foi ainda possível ouvir o testemunho do pediatra Gonçalo Cordeiro Ferreira (Centro Hospitalar Lisboa Central) sobre a importância da vacinação. Nesta ocasião, foi efetuado também o pré-lançamento do selo alusivo aos 50 anos do PNV.

Rui Nogueira, presidente da Direção Nacional, marcou presença em representação da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar.

Leia Também

Consumo de água é ainda deficitário entre a população portuguesa

Luís Pisco revisita princípios basilares da MGF

Sessão de esclarecimento realizada na Covilhã foi um claro sucesso

Recentes

Menu