Gerais
0

Desprescrição no idoso é complexa e exige competências

Workshop no 23º CN

O workshop «Desprescrição no idoso – importância e operacionalização na prática clínica do médico de família», organizado pelo Grupo de Estudos de Saúde do Idoso da APMGF no 23º Congresso Nacional de MGF, será uma oportunidade para abordar um processo sistemático que consiste em identificar e descontinuar os medicamentos inapropriados para o doente, sob orientação médica, de forma a melhorar a segurança e eficácia dos regimes terapêuticos. Pode inscrever-se neste workshop aqui.
Relembramos que o número de participantes nos workshops do 23º CN é
limitado e que a inscrição prévia é obrigatória.

“Com o crescente envelhecimento populacional e aumento da multimorbilidade, os médicos de família são cada vez mais confrontados com listas extensas de medicação provenientes de vários prescritores. A revisão da medicação torna-se, desta forma, cada vez mais complexa e desafiante mas também imprescindível. A desprescrição de medicação na prática clínica constitui assim um passo essencial no ciclo de revisão da medicação”, explica Madalena Monteiro, médica interna de MGF com pós-graduação em Geriatria e uma das dinamizadoras desta ação de formação.

De acordo com Madalena Monteiro, com o workshop em questão os autores pretendem “explorar quais os fatores que dificultam este passo e formas de os ultrapassar. Também iremos abordar várias ferramentas de desprescrição de aplicação prática em contexto de consulta com a apresentação de casos clínicos. Serão ainda discutidos alguns fatores chave, como o envolvimento do utente no processo de desprescrição e a coordenação de cuidados, que contribuem para melhorar a qualidade da prescrição”.

Leia Também

Victor Ramos recebeu Distinção de Mérito em Gestão dos Serviços de Saúde

Desmaterialização dos atestados para carta de condução será universal até 1 de abril

Inscrições gratuitas no XVIII Congresso Português de Reumatologia

Recentes

Menu