Comunicado da Direção da APMGF – Profissionais de saúde devem notificar casos de violência e manter rigor no ato médico

A Direção da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) emitiu um comunicado no qual “expressa total solidariedade” com os colegas que foram vítimas de recentes episódios de violência em unidades de saúde e “exorta os colegas a não ficarem intimidados e a manterem rigor profissional no exercício do ato médico, não obstante o peso emocional e psicológico que tais episódios acarretam”. A Direção da APMGF anuncia também que “incentiva a participação de atos de violência e criará um sistema voluntário de receção de casos de violência no sentido de monitorizar a evolução do fenómeno”.

Leia na íntegra o comunicado da Direção da APMGF.

Leia Também

APMGF, OM e ANEM consideram razoável prazo de 30 dias para abertura de concursos de recém-especialistas

As dez evidências clínicas mais relevantes de 2019 partilhadas com os MF portugueses

Médicos manifestam-se em frente ao Ministério da Saúde

Recentes

Menu