Lisboa vai receber a maior reunião mundial de médicos de família em 2025

O nosso país irá acolher, em 2025, a 25ª Conferência Mundial da WONCA (entidade que congrega as associações e colégios de Medicina Geral e Familiar dos cinco continentes), sendo este o maior encontro de especialistas de Medicina Geral e Familiar (MGF) à escala mundial. A realização deste evento – programado para o Centro de Congressos de Lisboa e com datas iniciais sugeridas pela organização a apontarem para os dias 18 a 21 de setembro de 2025 – resulta de um projeto conjunto da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) e da Região Europeia da WONCA. A candidatura lusa foi apresentada ao Conselho da WONCA Mundial (reunido em modalidade online, entre 19 e 21 de novembro) e foi escolhida em detrimento da proposta sul-africana, a qual pretendia levar a iniciativa para a Cidade do Cabo.

De realçar que a organização acredita que esta conferência poderá trazer até à capital portuguesa aproximadamente 4 mil participantes. Vinculados à conferência estarão diversos programas paralelos, entre os quais visitas de delegados estrangeiros a unidades dos CSP portugueses, ou atividades de promoção de saúde e bem-estar. A iniciativa será 100% paper free, apostando em suportes integralmente digitais e contará também com a participação ativa em diversas sessões de associações e grupos europeus de doentes e familiares.

“É com enorme alegria que a APMGF recebeu a notícia de que irá organizar, em conjunto com a WONCA Europa, a conferência mundial da WONCA em 2025. A organização do congresso mundial de MGF em Lisboa representa um marco importantíssimo para a MGF portuguesa, traduzindo o reconhecimento do trabalho feito por tantos ao longo das últimas quatro décadas e contribuindo de forma indelével para a valorização da especialidade no nosso país”, declara Nuno Jacinto, presidente da APMGF e co-chair da conferência.

Na ótica do dirigente associativo, “o desafio é grande mas, como sempre, estaremos à altura das expectativas. Honrando a confiança que em nós depositaram, iremos organizar um evento de enorme qualidade, participativo e integrador, que será marcante para a MGF a nível global”. Um dos trunfos da organização será, de facto, a larga experiência na execução de eventos científicos de grande dimensão, uma vez que a Região Europeia da WONCA promove com regularidade encontros que envolvem largas centenas ou milhares de participantes, o mesmo sucedendo com a APMGF, que aliás realizou com assinalável sucesso o congresso europeu da WONCA em 2014, igualmente na cidade de Lisboa.

 

Leia Também

38º ENMGF – Sigilo médico continua a ser crucial na era da pancomunicação

A pandemia prejudicou o internato de MGF?

APMGF exige maior solidariedade dentro do sistema de saúde para efetivar recuperação assistencial

Recentes

Menu