Entrevista com representante da APAV sobre ativismo contra a violência de género

De acordo com a UNESCO, a violência contra mulheres e meninas é uma das violações de direitos humanos mais transversais, mais persistentes e mais avassaladoras no mundo atualmente e corresponde a uma ameaça para milhões de meninas e mulheres. Afeta mulheres independentemente da idade, contexto sociocultural ou educação. Esta violência ocorre de diversas formas, como física, sexual ou psicológica, bem como abuso ou exploração económicas.

O período de 16 dias entre 25 de novembro – Dia Internacional para a Eliminação da Violência contra Mulheres – e 10 de dezembro – Dia dos Direitos Humanos – é conhecido como os 16 dias de Ativismo contra a Violência de Género, tempo de agir para pôr fim à violência contra mulheres e meninas em todo o mundo. Neste sentido, o Grupo de Estudos de Saúde da Mulher (GESMulher) da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) realizou uma entrevista sobre a Eliminação da Violência contra Mulheres com a Dra. Elisa Brites, Gestora do Gabinete de Apoio à Vítima da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) em Vila Real.

 

Leia Também

Cuidados Domiciliários - 20º ENIJMF

Encontro de Internos e Jovens MF debaterá boas práticas de apoio domiciliário nos cuidados primários

Já foram selecionados os vencedores da Bolsa APMGF WONCA Europa 2022

8ªs Jornadas GRESP Porto

Premiados do webinar sobre asma recebem inscrições nas 8ªs Jornadas do GRESP

Recentes

Menu