Está na hora de preparar o pitch e conquistar 3 mil euros de apoio à tua investigação!

A Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) e a Agência de Investigação Clínica e Inovação Biomédica (AICIB) voltam este ano, no decurso do 40º Encontro Nacional de Medicina Geral e Familiar (MGF), a promover a sessão «Vende-nos o teu projeto», a realizar no dia 31 de março, pelas 16h15, durante a qual serão apresentadas e discutidas as cinco propostas finalistas da iniciativa.

As candidaturas às bolsas, destinadas a impulsionar a inovação e investigação na área dos cuidados de saúde primários (CSP), podem ser apresentadas entre 21 de fevereiro e 9 de março de 2023 através deste modelo (que contém igualmente o regulamento) e devem ser enviadas para o endereço apmgf@apmgf.pt. Não serão consideradas candidaturas entradas após as 23h59 do dia 9 de março de 2023. Os cinco finalistas a convidar para o pitch em Vilamoura serão previamente escolhidos de entre o total de candidaturas apresentadas.

No dia 31 de março, com a finalidade de “vender” o projeto de investigação aos mentores, cada proponente finalista disporá de cinco minutos para apresentar a ideia e desenho do estudo. A avaliar estarão três mentores convidados pela APMGF/AICIB. Após as apresentações caberá aos mentores discutir as propostas e cada um selecionará o projeto que apoiará. As decisões serão tomadas in loco pelos mentores durante a sessão «Vende-nos o teu projeto», que procurarão avaliar o mérito de cada ideia e o seu potencial impacto no desenvolvimento dos CSP, atribuindo aos três melhores projetos um cheque no valor de três mil euros e um programa de tutoria. Os dois projetos que não sejam selecionados pelos mentores serão contemplados com uma bolsa de investigação no valor de 1000 euros cada um e serão acompanhados na sua execução pelo Departamento de Investigação da APMGF.

 

Leia Também

Reunião online aberta “Conversas sobre Investigação”a 18 de junho!

Jornadas de MGF dos Açores fecham com mensagem de confiança nas capacidades do MF

Açores avançam com adaptação regional das USF modelo B

Recentes