Grupo de trabalho da WONCA World dedicado à saúde digital é liderado por especialistas em MGF portuguesas

A especialista em Medicina Geral e Familiar (MGF) portuguesa e Diretora da Global Digital Health Unit do Imperial College London, Ana Luísa Neves, foi eleita Chair da Working Party on eHealth da World Organization of Family Doctors (WONCA World), a organização que a nível mundial representa as associações e colégios de MGF. A eleição foi oficializada em Sidney no final do passado mês de outubro, durante a última conferência mundial da WONCA, iniciando-se nesse preciso momento o mandato da colega portuguesa. Por seu turno, a colega Liliana Laranjo (Senior Research Fellow na Universidade de Sidney) foi escolhida para o cargo de Deputy Chair do mesmo grupo de trabalho da WONCA.

“Estou muito entusiasmada pela confiança depositada em mim pelos membros do Working Party on eHealth e expectante sobre as oportunidades de colaboração com a comunidade global com interesse na área da saúde digital. A nossa missão é clara: promover a liderança em inovação digital, o intercâmbio de conhecimentos e a colaboração internacional para o avanço da implementação da saúde digital em Cuidados Primários. As nossas áreas de foco serão a avaliação da implementação de iniciativas em saúde digital (com um foco na redução das desigualdades e exclusão digital), a literacia digital e a educação médica e capacitação”, avança Ana Luísa Neves.

A nova líder do Working Party on eHealth adianta, em paralelo, que um dos mais recentes projetos deste grupo de trabalho “consiste numa iniciativa global para perceber as necessidades dos médicos de família em saúde digital e desenvolver um programa de recomendações e módulos com base nessas necessidades. Para o efeito, estamos a fazer uma campanha de crowdfunding global com o apoio da WONCA World, para garantir os recursos mínimos que nos permitiram tornar esta visão uma realidade”. Mais informações sobre este projeto podem ser encontradas aqui.

 

Leia Também

Comunicado APMGF

Comunicado – APMGF repudia reportagem da TVI que sugere falta de conhecimento dos médicos de família na área da Saúde Mental

CaminhASMA convida-o a organizar uma caminhada e um peddy-paper em maio para despertar consciências relativamente à melhoria dos cuidados na asma

Reunião online aberta “Conversas sobre Investigação”: discussão de projetos, esclarecimento das novas Bolsas AICIB CSP e muito mais!

Recentes