Dor

O Grupo de Estudos de Dor da APMGF é um grupo de estudos da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar (APMGF) com interesse particular na área da Dor – o 5º sinal vital – encarando-a como parte fulcral da avaliação holística e multidisciplinar do utente, particularmente no acompanhamento longitudinal característico dos Cuidados de Saúde Primários. Pretende este grupo de estudos incentivar e propiciar o contato, comunicação, encontro e discussão de ideias entre profissionais motivados pelos problemas inerentes ao utente com Dor, assim como a produção de recomendações de boa prática profissional e instrumentos para melhoria contínua da qualidade da prática clínica nesta vasta área. Figuram como veículos para atingir este fim a organização de atividades formativas e de investigação e ainda a elaboração de documentos científicos subordinados à área da Dor. O MGF.dor pretende ser parceiro, através da APMGF e em constante comunhão de valores e ideias com esta, da International Association for the Study of Pain (IASP), da European Pain Federation (EFIC) e da Pain Alliance Europe (PAE), organizações internacionais para o estudo da Dor. Pretende ainda o MGF.dor servir de vetor de comunicação e parceria com a Associação Portuguesa para o Estudo da Dor (APED).

Objetivos

O MGF.dor propõe-se a atingir os seguintes objetivos:

• Incentivar e fomentar o estudo da Dor, pela partilha de conhecimentos sobre esta área, estabelecendo para isso grupos de trabalho específicos em áreas de estudo prioritárias;
• Promover o desenvolvimento profissional contínuo dos elementos do grupo, tendo por base uma estrutura representativa que possa servir de referência nesta área técnicocientífica no contexto dos Cuidados de Saúde Primários;
• Intervir com programas e projetos de apoio técnico-científico e de formação disponíveis a todos os associados da APMGF, contemplando a avaliação e diagnóstico do utente com Dor, a fisiopatologia da Dor e a orientação e tratamento a oferecer, de forma direcionada às necessidades práticas do Médico de Família no contexto da consulta do dia-a-dia;
• Participar em eventos científicos relacionados com a área de interesse do grupo de estudos;
• Promover eventos científicos relacionados com a área de interesse do grupo de estudos;
• Cooperar com outras entidades, grupos de trabalho e de consenso que abordam a área da Dor, tanto nacional como internacionalmente, tendo em vista a simbiose na partilha de conhecimentos e aprendizagens, criando assim um canal de comunicação efetivo com essas entidades e grupos
; • Estabelecer parcerias com as Escolas Médicas do país tendo por vista um maior e melhor acesso à informação e conteúdos sobre Dor no ensino pré e pós-graduado;
• Colaborar com as instituições de direito na promoção da saúde e prevenção da doença, numa tentativa de fomentar assim a educação para a saúde no que toca à Dor;
• Criar um projeto editorial que vise a publicação e difusão de artigos científicos, livros e/ou outros documentos e recomendações clínicas sobre Dor no âmbito dos Cuidados de Saúde Primários;
• Traduzir e divulgar literatura já existente de entidades reconhecidas na área da Dor (seja esta na forma de normas de orientação clínica e recomendações, ferramentas médicas, adaptação transcultural de escalas ou instrumentos úteis para a prática clínica, entre outras);
• Estabelecer uma parceria profícua com os departamentos de formação da APMGF e outros grupos de estudos tanto na abordagem de temas de interesse conjunto como através da participação no Congresso e Encontro Nacionais, Escolas da APMGF e outros possíveis eventos formativos, representando assim a APMGF em assuntos referentes a esta área técnico-científica;
• Promover atividades formativas no âmbito da Dor destinadas a Internos de Medicina Geral e Familiar e Médicos de Família;
• Organizar um mecanismo de formação em rede, formando formadores que poderão posteriormente replicar as atividades formativas;
• Participar ativamente nos Plenários de grupos de estudos da APMGF;
• Colaborar em projetos de investigação e educação promovidos por outras entidades, consolidando uma rede de investigação sólida na área da Dor;
• Criar bases de dados, com a colaboração de vários profissionais interessados no âmbito do estudo da Dor, tanto nacional como internacionalmente, para que assim seja possível criar mais e melhores projetos e atividades de investigação, intervenção e educação para saúde;
• Manter um espaço próprio online, da responsabilidade do grupo;
• Divulgar o Grupo para efeito de inscrição e adesão de novos colaboradores (sócios da APMGF) com interesse no estudo da Dor.

Plano de Atividades para o ano de 2020

• Levantamento das necessidades formativas em Dor sentidas pelos médicos especialistas e internos de formação específica em Medicina Geral e Familiar;
• Maior inclusão dos enfermeiros de família na avaliação da Dor nos utentes dos Cuidados de Saúde Primários;
• Proposta de tema primordial de estudo na área da Dor no ano vigente;
• Produção e divulgação de material de apoio à consulta tendo como foco a resposta às necessidades práticas dos clínicos e a educação para a saúde dos utentes;
• Realização e promoção de conferências, seminários e sessões de esclarecimento sobre Dor;
• Colaboração nos eventos da APMGF; • Promoção da investigação em Dor no âmbito dos Cuidados de Saúde Primários;
• Dinamização do Dia Mundial contra a Dor, do Dia Nacional da Luta contra a Dor e de outras efemérides que tal;
• Promoção do grupo de estudos e das suas atividades;
• Cooperação com os outros grupos de estudos da APMGF na preparação, divulgação e realização de iniciativas comuns ou próprias de cada grupo de estudos sempre que haja interesse na promoção conjunta;
• Estabelecimento de parcerias com IASP, EFIC, AEP e APED.

Constituição da Comissão Coordenadora

Raul Marques Pereira (Coordenador)
Ricardo Silva
Nivalda Pereira

 

Grupos de Trabalho

Abordagem e tratamento da dor na grávida e na puérpera

Tiago Castelar Gonçalves, Nivalda Pereira, Pedro Pereira

Abordagem e tratamento da dor aguda no adulto

Ana Maria Pinto, Ricardo Silva

Abordagem e tratamento da dor aguda na criança

Ricardo Silva, Nivalda Pereira, Pedro Pereira

Abordagem e tratamento da dor aguda peri-procedimentos – vacinação, pensos, etc

Filipa Fonte, Ricardo Silva

Abordagem e tratamento da dor no doente com patologia musculo-esquelética

Hugo Cordeiro, Mariana Carvalho, Rita Mendes

Abordagem e tratamento da dor no doente reumatológico (patologia inflamatória)

Mariana Carvalho

Abordagem e tratamento da dor no doente idoso

Hugo Cordeiro, Ana Barbosa, Mafalda Cerqueira, Tiago Castelar Gonçalves

Abordagem e tratamento da dor no doente com multimorbilidade / polimedicado

Hugo Cordeiro, Jorge Eusébio, Rita Mendes

Abordagem e tratamento da dor no doente oncológico

Hugo Cordeiro, Mariana Carvalho, Ana Maria Pinto

Abordagem e tratamento da dor no doente em fim de vida

Hugo Cordeiro, Tiago Castelar Gonçalves

Abordagem e tratamento da dor no doente com dor neuropática – neuropatia diabética dolorosa, neuropatia alcoólica, neuropatia induzida por fármacos, etc.

Jorge Eusébio, Filipa Fontes, Rita Mendes

Notícias

Links Úteis

                    

Vídeos

Menu